sábado, dezembro 19, 2009


Tomei agora
O último gole de vinho
E este realmente
Me pareceu sangue
Pois um gosto que nunca senti
Numa temperatura que nunca provei
Realmente me pareceu sangue
Sangue!?!?!?!
Porque tudo hoje se tornou sangue
Minhas lágrimas
Minha água
Meu suor
Meus pensamentos
Meus sentidos
Até meu próprio sangue
Se tornou mais sangue
Tornou-se tristeza
Tornou-se amargo
Tornou-se lágrima
Que se tornou vinho
Que se tornou sangue
Que graças a você
Eu não pude evitar...

Lindy Campos

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
Filme na madrugada. Disco velho. Livro empoeirado. Caixa fechada. Coração trancado. Monossilabo. Plural. Só. Viajante . Caseiro.
Loading...