segunda-feira, junho 25, 2007

Mãe


Mãe é algo tao unico que o coraçao se recusa a empresta-la para um poema!

sexta-feira, junho 15, 2007

Rato de Sebo

Custodio


Josie Mello(Josefina Neves Mello)


Quotidiano 17


ela lava passa coze borda a fronha arruma a cama

e nessa espera medonha

fica repleta de horas

fica vazia de tempo
ele quer ficar na rua iludindo a liberdade

sente a noite encher-lhe o peito

vira o copo com despeito

e se esvazia de vontade

ela sabe que ele volta

mesmo sem querer voltar
ele sabe que ela espera

mesmo se ele não chegar

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
Filme na madrugada. Disco velho. Livro empoeirado. Caixa fechada. Coração trancado. Monossilabo. Plural. Só. Viajante . Caseiro.
Loading...