sexta-feira, janeiro 21, 2011

Eis aqui um poema feliz

Eis aqui um poema feliz!
Feliz de toda desilusão
De toda crença
De todo final feliz!

E se faz assim
Pelo tempo e  pela emoçao
Razão despedaçada
Pedaço de coraçao!

E a verde esperança
Esta despreocupada
Brinca pela grama
Com a memória, a lágrima e a saudade!

E todo o amor possivel
Beira agora o infinito
Lembrando as aureas assombrações
Do terrível poço se fundo!

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
Filme na madrugada. Disco velho. Livro empoeirado. Caixa fechada. Coração trancado. Monossilabo. Plural. Só. Viajante . Caseiro.
Loading...